26 de abr de 2017

Porque eu abandonei o Anticoncepcional


Olá gurias, tudo bem? Hoje o assunto vai ser totalmente direcionado pra vocês, acredito que este seja o meu post mais pessoal aqui no blog. Hoje vou falar sobre o Anticoncepcional, senta que lá vem história.
Muitas gurias estão largando por conta própria, por tantos riscos que a pílula traz ao corpo feminino e por estarem cansadas de ingerir diariamente tanto hormônio. Pra mim foi por uma questão de saúde. Hoje posso dizer que foi a decisão mais importante da minha vida, que salvou meu corpo, minha saúde e meu bem estar.

Fazia umas semanas que tinha passado mal no centro da minha cidade natal, comecei a ver bolinhas nos olhos e ter fortes dores de cabeça. Tudo bem, aquilo passou, mas achei que era culpa dos óculos novos que recém tinha feito, e que estava com crises por causa dele. Passou mais umas semanas e tive novamente uma crise indo para meu trabalho, dentro do busão - pensem o perigo - logo depois dessas bolinhas passarem, vinha a dor de cabeça mais profunda do universo.
Isso aconteceu mais algumas vezes, e a dor de cabeça sempre me acompanhava, algumas vezes não conseguia dormir de tão forte e outras apenas chorava, querendo que aquilo passasse.

Fui adiando essa decisão por alguns dias, mas no final acabei parando de tomar anticoncepcional.
No dia que procurei um médico, estava com a pressão 18.8 e me sentindo estranha, tonta e fraca.
A primeira coisa que o médico perguntou foi se tomava anticoncepcional, pois pelo menos 15% das mulheres que tomam, desencadeiam hipertensão.
Eu estava cega, tinha medo de parar e voltar minhas espinhas e do meu namorado não curtir. Graças que ele abriu meus olhos e disse 'tua saúde tá em risco, vai parar agora, e vai ter todo meu apoio sempre'.
Na primeira semana que parei, nunca mais voltei a ter dores de cabeça iguais aquelas. Nunca mais embaçou minha visão com brilhinhos, nunca mais voltei a ter dor de cabeça forte daquelas na tpm.
NUNCA.
MAIS.

Minha pílula tinha estrógeno/estrogênio, o que desencadeia hipertensão em muitas mulheres, eu sabia disso? Fui alertada? Não. Ninguém me falou isso, não constava nem na bula da minha pílula. Porque essas informações estão tão escondidas? A única coisa que posso fazer é alertar vocês, a olharem e procurarem na bula sobre esse componente, na minha está descrito como 'etinilestradiol', cuidem muito com isso. Se colocar no google essas palavras juntamente com hipertensão, vocês verão a porcaria que é.

Estou fazendo uma bateria de exames para verificar se realmente sou uma pessoa hipertensa, para começar a tomar os devidos remédios. Eu tenho 25 anos, sou uma pessoa que sempre tive uma boa alimentação, cuidei sempre da minha saúde, meus exames de sangue sempre foram bons, ou seja, sou uma pessoa saudável e corro o risco de ter hipertensão, tudo por causa de uma pílula que realmente eu preciso dizer, desgraçou a minha vida. Eu arruinei minha saúde por causa de uma porcaria que ingeria diariamente há 9 anos. Desculpa, to triste gente.

Eu só tomei conhecimento disso quando foi comigo, essas informações não são passadas pelos nossos ginecologistas, eles só receitam e pronto, sem nos contar os riscos. Poderia ter sido pior, poderia ter tido AVC, trombose, melasma, derrame e outras coisas.

O que isso mudou na minha vida

- Sou uma nova mulher! Vem chegando a TPM e eu nem sei o que é ficar incapaz de fazer minhas coisas por culpa da dor de cabeça. Quando tenho é daquelas de boa que resolve com um remédinho amigo.
- Não preciso sair correndo pra tomar a pílula todo dia no mesmo horário e se caso esquecer ficar naquela tensão.
- As espinhas começaram a aparecer. A pílula me ajudou e muito a resolver os problemas que tinha com espinhas, mas agora é hora de encontrar outra forma de me livrar delas, e que com certeza vai virar um post por aqui futuramente.
- Meu humor após a retirada da pílula foi uma loucura, do nada estava feliz da vida, e parecia que virava uma chave dentro de mim e do nada ficava triste demais, me achava feia, horrível, uma inútil. O namorado nessas horas tem meus parabéns, estava chatíssima haha.



- Ok, camisinha pode ser uma porcaria nos primeiros dias, mas é sério, acostuma, acredita em mim, você nem lembra mais como é quando faz sem. E às vezes é até bom esquecer haha.
- O que a camisinha 'dificulta' no começo a libido permite. Sério, eu não conhecia meu corpo há 9 anos, ele vivia mascarado por uma pílula que não deixava o meu corpo agir como ele era de verdade, ser o que ele queria ser, nem sabia que a libido existia. Eu sou uma nova mulher, me descobri de verdade, agora sou o que sou e nada mais vai me barrar (até dá pra fazer uma música).
- A menstruação no início é toda desregulada, um mês vem, outro não, uma loucura. Então sempre bate o pânico de uma possível gravidez, hahaha.
- Agora o sangue que sai de mim é meu. Cês não tem noção o quanto isso é gratificante. Ver que aquilo que sai é seu e não algo falso produzido de forma mascarada por causa do anticoncepcional, foi uma das coisas mais importantes ao largar, tudo que estava sentindo, era algo que meu corpo estava produzindo, de verdade.

Agora quero colocar DIU de cobre, que é um método contraceptivo que não tem hormônios, mas ainda vou conversar direitinho com minha ginecologista.

Um aplicativo que me ajudou muito foi o Clue, ele te dá uma ideia de quando vai ser a próxima menstruação, TPM, Período Fértil, e outras coisas mais.

Gurias, se vocês gostam de tomar anticoncepcional, tudo bem, não tem problema algum, tanto que por isso o titulo é porque EU abandonei, não se sintam culpadas de usar, se faz bem, vai na fé. Eu fiz esse texto apenas para alertar, pois muitas não sabem sobre essas coisas, só tomem cuidado, se informem, perguntem pra ginecologista, verifiquem com amigas que pararam de tomar, ou quais que elas tomam, verifiquem anticoncepcionais que não tem estrogênio. Se fumam e tomam anticoncepcional, o risco de trombose aumenta, então tomem cuidado.
Se vocês querem parar, perguntem pra gineco, contem o porque querem se livrar disso, pra ela poder auxiliar vocês. 
A ideia de fazer esse post veio deste texto que li aqui, no blog Mais Fit Menos Fat, e me empolgou pra contar tudo que estava passando, pra poder auxiliar na busca por uma vida mais saudável.

Esta página no facebook, Vítimas de anticoncepcionais. Unidas a favor da Vida, me ajudou a abrir os olhos e tem muito conteúdo bacana com relatos de várias mulheres que usaram anticoncepcional.

Gurias, espero que vocês tenham gostado do texto, eu fiz com muito amor e ele demorou muito tempo para ir ao ar, já li e re-li zilhões de vezes, sempre achava que faltava conteúdo para finalmente postar. Espero que tenha auxiliado vocês, e qualquer dúvida é super bem vinda, quero poder ajudar o máximo possível.

2 comentários:

  1. Também abandonei a pílula... Após alguns anos de uso de pípula, o corpo precisava descansar desse método. A opção era usar o DIU ou a camisinha. Achamos melhor não fazer grandes alterações e voltar à camisinha. Tá tudo bem assim, pra ambos. :) Abraços e parabéns pelo blog, Isabel.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Isabel, tudo bom contigo? Muito obrigado pelo teu comentário. Exato, sempre bom dar um tempo para o corpo respirar, ainda estou pensando sobre o diu, mas é algo a ser bem estudado e ver se esse realmente é o melhor método pra mim.
      Beijos e obrigada pelos elogios :) adorei ter você aqui. Volte sempre <3

      Excluir

Deixe seu comentário aqui!

 
BELEZA INCONDICIONAL - COPYRIGHT © 2015 - DESENVOLVIMENTO E CODIFICAÇÃO POR: ROBERTA KRUTZMANN